Receita Federal lança novo Portal da Redesim

 :
O novo Portal da Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (REDESIM) foi totalmente reformulado e ficou aderente a padrões tecnológicos de vanguarda. O conteúdo do site se adapta dinamicamente aos dispositivos móveis, tablets e celulares.

O objetivo é levar ao cidadão uma nova experiência no processo de abertura e de alteração da pessoa jurídica, com disponibilização de orientações em linguagem mais clara e de fácil comunicação, trazendo agilidade e transparência para todo o processo.

O portal ficará mais robusto com uma área exclusiva para o usuário identificado. Essa autenticação utilizará os serviços do projeto Brasil Cidadão, do Ministério do Planejamento, que faz parte da Plataforma de Cidadania Digital e que oferece a possibilidade de o usuário, por meio de acesso único, obter diversos serviços públicos disponíveis na rede mundial de computadores.

Na área do usuário será possível consultar o nome empresarial na base do CNPJ e outros serviços serão incluídos em breve.

A reformulação do portal foi feita pela Receita Federal em articulação com diversos parceiros da Rede Nacional para a Redesim.

O novo portal da Redesim, que estará disponível a partir do dia 30 de julho, poderá ser acessado por meio do endereço: www.redesim.gov.br

Fonte: Receita Federal
Contato
Email:

contatocellim.com.br

Fone:

11.4121.3400

Endereço:

Rua Santos Dumont n.º 168, Conjunto 22
Centro - São Bernardo do Campo/SP

Ver no Waze


Novidades
  • Quais as obrigações extintas com a EFD-Reinf
  • Exclusão do Programa Especial de Regularização Tributária tem aplicação do PAF regulamentada
  • Confira quanto você vai receber na distribuição dos lucros do FGTS
  • Projeto autoriza instauração de inventário quando herdeiros do espólio não se manifestam
  • Dados mostram retomada de cenário no Brasil
  • Aprovada alíquota menor para microempresa industrial que adota gestão ambiental
  • Livros Contábeis e Fiscais Obrigatórios para as ONGS
  • Número de acordos em convenções coletivas tem queda de 45% após reforma trabalhista.
  • DCTFWeb entra em vigor a partir do mês de agosto
Redes Sociais